Alimentos que ajudam no controle da diabetes

Os hábitos alimentares das pessoas estão diretamente relacionados ao diabetes. Inclusive, há muitos casos em que a doença pode ser controlada somente com uma dieta equilibrada (sempre com acompanhamento médico).

Portanto, uma boa alimentação é de extrema importância quando se fala em diabetes. Como o melhor caminho para prevenir ou controlar qualquer doença é a informação, elaboramos uma lista com Alimentos que ajudam no controle da diabetes, já que colaboram no controle da glicemia. Confira!

alimentos2

Alimentos que ajudam no controle da diabetes

Equilíbrio é a palavra-chave. Isoladamente, nenhum alimento faz milagre seja para qualquer doença. Portanto, o ideal para controlar o diabetes é manter uma dieta balanceada, reunindo alguns alimentos que são grandes aliados e trazem benefícios aos diabéticos. Alimentos como abacate, leguminosas, linhaça e aveia, em geral, possuem baixo índice glicêmico (velocidade com que a glicose entra no organismo), evitando picos de insulina (hormônio responsável pela “quebra” da glicose e que os diabéticos têm dificuldade em produzir).

Em geral, a regra para os portadores de diabetes é priorizar vegetais e grãos integrais, além de consumir alimentos gordurosos com moderação e evitar farinha branca, bebidas açucaradas, frituras e, claro, doces. Especialistas alertam ainda que é preciso atenção também na forma de comer: alimentar-se a cada três horas (no máximo), consumindo porções menores, ajuda no melhor aproveitamento da glicose pelo organismo.

alimentos

Separamos abaixo alguns Alimentos que ajudam no controle da diabetes

Abacate: é rico em gorduras monoinsaturadas (benéficas tanto para diabetes tipo 1 como 2) e também possui poli-insaturadas, ambas gorduras boas para a saúde, auxiliando na resistência à insulina e na prevenção de doenças cardiovasculares. Além disso, o abacate colabora na redução dos níveis de colesterol ruim (LDL) e no aumento do colesterol bom (HDL). Como é muito calórico, o ideal é consumir, no máximo, quatro colheres de sopa de abacate por dia.

Peixes: diabéticos têm elevados níveis de triglicérides e colesterol no sangue. Alimentos ricos em ômega 3, como salmão, sardinha e cavalinha, ajudam a reduzir essas taxas. A linhaça também é fonte de ômega 3.

Azeite extra-virgem: é rica fonte de antioxidantes e ácido graxo monoinsaturado, que também contribuem para reduzir o colesterol no sangue.

Limão: muito rico em ácido cítrico e ácido ascórbico, evitando hemorragias, além de proteger as artérias e prevenir problemas cardiovasculares.

Maçã: é fonte de diversas vitaminas e é eficiente no controle da glicemia e na redução do mau colesterol.

Soja: rico em proteínas, fibras e carboidratos, prevenindo doenças cardiovasculares, além de ter baixo nível glicêmico.

Trigo integral: é rico em vitaminas do complexo B e fibra. Previne o colesterol e colabora no controle da curva glicêmica na refeição.

Sementes oleaginosas: elas têm baixo índice glicêmico e alto teor de fibras, contribuindo para a redução da glicemia de jejum e da pressão arterial. Exemplos de oleaginosas são as amêndoas, castanhas, avelã, pistache, macadâmia e nozes.

alimentos3
Amêndoas, castanhas e nozes são exemplos de sementes oleaginosas, que possuem baixo índice glicêmico

 

/* */