Alimentos sem açúcar e que fazem mal aos diabéticos

O diagnóstico de diabetes e o seu devido controle exigem mudanças urgentes nos hábitos alimentares, evitando-se, por exemplo, gorduras, frituras e doces. Para conviver bem com a doença, portanto, é fundamental ter alguns cuidados com o que se come. Mas engana-se quem pensa que o único inimigo do diabético é o alimento com açúcar. É preciso estar atento a outros componentes dos alimentos que prejudicam o tratamento e que devem ser evitados ou consumidos com moderação. Conheça Alimentos sem açúcar e que fazem mal aos diabéticos.

Excesso de doce pode matar um diabético (Foto: Divulgação)
Excesso de doce pode matar um diabético (Foto: Divulgação)

Confira mais informações sobre: Porque a diabetes é silenciosa: entenda

Alimentos sem açúcar e que fazem mal aos diabéticos

Antes de qualquer coisa, é fundamental que o paciente diabético aprenda a ler os rótulos dos produtos antes de consumir. Isso porque o açúcar pode estar presente de forma “disfarçada” sob a forma de frutose, maltose, açúcar invertido, xilitol ou glicose.

Alimentos sem açúcar e que fazem mal aos diabéticos (Foto: Divulgação)
Alimentos sem açúcar e que fazem mal aos diabéticos (Foto: Divulgação)

Diet nem sempre é zero açúcar

Outro ponto de atenção: nem todo alimento rotulado como diet é, necessariamente, sem açúcar. Um alimento diet significa que é isento de um determinado nutriente, que pode ser sódio, gordura, açúcar ou outros componentes. Na maioria dos casos, os diet são sem açúcar, mas é importante se certificar disso. Ainda é preciso entender que a expressão “sem adição de açúcar” não é o mesmo que sem açúcar. Na verdade, significa que não foi adicionado mais açúcar no processo de produção.

tenha cuidado com o tipo de açúcar que ingere (Foto: Divulgação)
tenha cuidado com o tipo de açúcar que ingere (Foto: Divulgação)

Tratamento do diabético é baseado também em controle de peso

Além disso, nem todos alimentos diet possuem redução de calorias, ou seja, não são adequados para um paciente que precise emagrecer – tendo em vista que o controle do peso é um dos aspectos centrais do tratamento da doença. Os chocolates diets, por exemplo, não contém açúcar, mas são altamente calóricos – muitas vezes com o mesmo teor de um chocolate normal.

Alguns alimentos sem açúcar não são muito saudáveis (Foto: Divulgação)
Alguns alimentos sem açúcar não são muito saudáveis (Foto: Divulgação)

Cuidado com os carboidratos

Com tudo isto esclarecido, é preciso entender também que não basta o diabético fugir de alimentos sem açúcar. Acontece que o tipo e a quantidade de carboidrato ingerido influenciam a velocidade com que a glicose aumenta no sangue (glicemia). Ou seja, grandes quantidades de carboidratos, que pode ser do brigadeiro ou à lasanha, atrapalha o tratamento uma vez que aumentam rapidamente o nível de glicose. Ainda: alguns produtos diet sem açúcar possuem a mesma quantidade de carboidratos que o produto convencional.

carboidratos podem virar açúcar (Foto: Divulgação)
Carboidratos podem virar açúcar (Foto: Divulgação)

Veja também: Cuidados do diabético na manicure: precauções

Portanto, o segredo é a moderação e evitar alimentos com grande quantidade de açúcar e poucos nutrientes, pois caracterizam calorias vazias. Fazendo as escolhas corretas, comendo sempre pequenas porções ao longo do dia, ajuda no controle da doença – evitando hipo e hiperglicemias.

 

/* */