Medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1

Como todos sabem, o diabetes é uma doença do tipo crônica, ou seja, ela não tem cura. Apenas tratamento. Um diabético pode e deve se cuidar e fazer o tratamento desse male para evitar maiores problemas. Ele pode e até mesmo deve combinar diferentes tratamentos e cuidados. Mas uma boa notícia pode abalar, positivamente falando, a vida dessas pessoas: surgiu um medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1.

medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1 agulhas

Nesse artigo falaremos a respeito do tão aguardo e famoso medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1. Discorreremos brevemente a respeito do como funciona essa modalidade da doença. Em seguida, explicaremos mais detalhes sobre a pesquisa responsável pela descoberta do medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1.

Como funciona o diabetes tipo 1?

O diabetes tipo 1 é uma doença auto-imune. Ela costuma surgir na infância do indivíduo. Nessa modalidade da doença, as suas células do sistema imunológico, mais especificamente os linfócitos, aniquilam as ditas células beta do pâncreas, que são as encarregadas pelo armazenamento e secreção da insulina.

medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1 comprimidos

Por conta disso, nenhuma ou quase nenhuma insulina é liberada para o corpo. Dessa forma, ao invés da glicose ser usada como uma espécie de combustível para as células, ela fica parada no sangue. Pessoas portadoras dessa tipologia de diabetes são insulino-dependentes, ou seja, precisam receber doses diárias de insulina.

A pesquisa sobre o medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1

O medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1 é um medicamento bastante novo, que foi testado já em ratos e em algumas culturas de células de seres humanos. Como o próprio nome diz, ele tem o poder de fazer com que todos os sintomas pertencentes ao diabetes tipo 1 retrocedam.

Ele ainda está em fases de pesquisa e testes. No entanto, se ficar provado que ele é um remédio de fato seguro e sua eficiência for realmente comprovada, pode representar a cura para o diabetes.

Essa pesquisa foi realizada por cientistas espanhóis, integrantes do Centro Andaluz de Biologia Molecular e Medicina Regenerativa. A ideia essa equipe científica é que se tudo der certo, esse medicamento pode não apenas servir como um meio de prevenção da doença, mas igualmente para o tratamento.

medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1 glifage

Para que seja possível curar o diabetes, é necessário que se faça duas coisas diferentes: confeccionar células para tomarem o lugar daquelas que já não funcionam e realizar o máximo para conter a causa do problema.

Como foi o projeto de pesquisa?

Nesse projeto de pesquisa, possibilita-se a ativação de um receptor molecular situado bem na superfície de um conjunto de células integrantes do sistema imunológico e também nas células do pâncreas. O caráter dessa interação diminui a resposta inflamatória e proporciona proteção às células beta.

Esse mesmo receptor também é localizada nas ditas células alfa da ilhota responsável pelo armazenamento e secreção do glucagon. Esse remédio ocasiona uma mudança das células alfa para as células beta. Esse tipo de fenômeno é chamado de transdiferenciação.

Um ponto interessante desse fenômeno é que ele auxilia bastante a solucionar outra ordem de empecilho, encontrada na terapia celular, que é a regeneração do contingente de células betas, partindo-se de um exemplar praticamente inexistente ou então seriamente danificado.

Esse medicamento potencial para curar o diabetes 1 já apresentou alguns resultados satisfatórios em camundongos e em culturas de tecido do pâncreas.

Esperando pelo medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1

As pesquisas sobre o medicamento potencial para curar o diabetes tipo 1 tem se mostrado bem avançadas e com resultados relativamente satisfatórios.  O único empecilho para a criação de uma droga desse tipo é a carência de financiamento. Se houver investimentos robustos, os pesquisadores afirmam que em poucos anos a droga pode estar no mercado e disponível para a população.

/* */